Iemanjá

Orixá da maternidade arquetípica, grande mãe orientadora, patrona da saúde mental, emocional e psicológica, Iemanjá é senhora de todas as águas. Seus domínios são os corpos de água do planeta, seu dia o sábado, sua ferramenta o abebé, leque ritual.

Iemanjá se torna senhora das cabeças

No início dos tempos, Olorun deu a cada orixá um trabalho, um reino.

Exu é o elemento da comunicação, senhor das encruzilhadas.

Ogum é o senhor da forja do metal, comandante das guerras e senhor das estradas, dos caminhos.

Oxóssi é o grande provedor, senhor da fartura, patrono da caça.

Oxumare é senhor dos ciclos, do arco-​íris, da chuva que faz a terra fértil e traz riqueza.

Oiá é senhora dos raios e do reino dos mortos.

Euá domina as fontes, a névoa e os cemitérios.

Oxum é senhora da feminilidade, fertilidade, do amor, do belo e da riqueza material.

Obá é senhora da instituição da família.

Nanã é senhora da sabedoria dos antigos e lama primordial que deu origem ao homem.

Oxalá criou o mundo e o homem, Oxaguian estabeleceu a cultura material, com a criação dos utensílios.

Iemanjá ficou tomando conta de Oxalá, de sua casa, filhos, comida. Iemanjá, insatisfeita, só fazia trabalhar e reclamar com Oxalá. Não se conformava e falava. Falou tanto que enlouqueceu o Grande Orixá com sua reclamação sem fim.

Só então deu-​se conta do mal que tinha causado, e cuidou da cabeça enlouquecida de Oxalá. Cuidou de sua cabeça com a noz chamada obi, água fresca e frutas deliciosas. Até que Oxalá ficou curado.

Então, com o consentimento de Olodumare, Oxalá encarregou Iemanjá de cuidar da cabeça de todos os mortais, o bem maior que o homem tem.

Iemanjá é mãe de todos, senhora de todas as cabeças.

facebook logo pinterest twitter instagram youtube vimeo logo grunge peq logo folhadosanto preto textonly peq

© Copyright DoSanto, 20052017 — Todos os direitos reservados ®.

All Rights Reserved.